sábado, 5 de junho de 2010

Rescue Blues

A idade que tenho agora, ou que tinha naquele sábado,deveria ser exatamente o dobro da idade contada a partir daquela perda...
[Caio Fernando Abreu]
Grandes são os desertos...
Comprem chocolates à criança a quem sucedí por erro.
E tirem a tabuleta porque amanhã é infinito...
[Álvaro de Campos, 1930]

Bonjour poetas!


4 comentários:

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Adorei!

jefhcardoso disse...

A questão do tempo mexe comigo. A questão da poesia também. Um dia me achei poeta, mas o tempo passou; e noutro dia me achei tempo, mas a poesia também passou.
Hoje sou ambos, e estou passando.


Abraço de Jefhcardoso, Foquinha!

Fabrício Santiago disse...

Gostei disso que eu li ai encima do jefh! Bom, mas eu vim aqui agradecer vc, foquinha, por ter postado no meu acanhado cafofo chamado Narroterapia.
Beijão e volte logo

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Os grandes escritores sempre são lembrados com entusiasmo. É muito bom poder conhecer pessoas que fazem a diferença nessa blogosfera, espero não perder contato, viu?

Também estamos seguindo seu blog.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails